,

,
,

sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

Liminar recoloca Jardel na prefeitura de Catalão

                                                               Jardel com liminar em mãos e correligionários em festa na porta da Prefeitura.
                                                                                   (Foto: Bruno Fontenele/Portal Catalão).
 
Justiça eleitoral expediu liminar agora há pouco e tucano já está de volta ao comando da prefeitura; prefeito interino por menos de 24 horas, Deusmar Barbosa exonerou todos os 17 secretários municipais e os cerca de 600 servidores comissionados; Jardel e seu vice, Rodrigão, foram afastados dos cargos na quinta-feira (19) após decisão do juiz da 8ª zona eleitoral, Everton Santos, que acolheu tese de que o então candidato usou a estrutura de uma rádio local para veicular entrevistas a seu favor; apoiadores e auxiliares organizaram comboio para escoltar Jardel até a sede da prefeitura
 _ Jardel Sebba já está no Palácio Pirapitinga como prefeito de Catalão. Liminar obtida na Justiça Eleitoral na tarde desta sexta-feira reintegrou o tucano como prefeito do município. Jardel e seu vice Rodrigão foram afastados do cargo de prefeito e vice ontem após decisão do juiz da 8ª zona eleitoral, Everton Santos.
 
O prefeito lamentou as atitudes tomadas pelo presidente da Câmara, Deusmar Barbosa, quando assumiu o Executivo, ontem. Ele exonerou funcionários e paralisou serviços essenciais para a cidade.
 
Jardel teve o diploma cassado devido a supostas irregularidades cometidas no dia votação no ano passado. Ele teria usado a estrutura de uma rádio local para veicular entrevistas a seu favor. E, segundo o juiz, isso teria influenciado o pleito. Entre Jardel e sua equipe o clima é de serenidade, pois o Ministério Público já havia determinado o arquivamento do processo.
 
O presidente da Câmara Municipal, Deusmar Barbosa (PMDB), tomou posse ontem e de imediato exonerou todos os comissionados e secretários de Jardel. Cerca de 50 pessoas aliadas de Deusmar inclusive entraram na sede da prefeitura antes mesmo do decreto e começaram a ocupar salas e gabinetes.
 
Pessoas próximas a Jardel Sebba dizem que o tucano está tranquilo e confiante nos trâmites judiciais. Esses mesmo aliados dizem que há 15 dias membros do PMDB já soltavam foguetes e faziam carreatas comemorando a decisão judicial e falando que Jadel perderia o cargo de prefeito.
fonte brasil247
 



 
Copyright © 2013 OUVIDOR AGORA - Traduzido Por: Templates Para Blogspot
Design by FBTemplates | BTT