,

,
,

domingo, 23 de fevereiro de 2014

Onze pessoas ocupavam canoa que afundou no Lago Corumbá, em Luziânia. 7 pessoas morrem 4 era crianças

Ao todo, sete pessoas morreram na tragédia, sendo quatro crianças.
Canoa afundou com 11 pessoas no Lago Corumbá III, no sábado (22).

Onze pessoas ocupavam canoa que afundou no Lago Corumbá, em Luziânia.
Apenas uma criança usava colete salva-vidas, diz Corpo de Bombeiros.Três irmãos de 6, 9 e 12 anos morreram após uma canoa naufragar no Lago Corumbá III, emLuziânia, cidade goiana do entorno do Distrito Federal, no sábado (22). O Corpo de Bombeiros ainda realiza buscas por quatro desaparecidos, dentre eles uma menina de 2 anos, uma adolescente de 16, e dois homens de 27 anos. Quatro pessoas sobreviveram ao acidente.

Dentre as pessoas que estavam na embarcação, sete eram da mesma família. Eles passavam o final de semana em uma chácara às margens do lago. Segundo os bombeiros, os sobreviventes informaram que, quando o barco se distanciou das margens do lago, a água começou a entrar pela proa e rapidamente a canoa afundou.
Ainda de acordo com informações dos bombeiros, um menino de seis anos era o único a usar colete salva-vidas. Ao ver a mãe afundando, ele a segurou e ambos se salvaram. Além deles, um comerciante e o homem que conduzia o barco também sobreviveram.Cerca de sete militares do Corpo de Bombeiros foram acionados para realizar as buscas. Na noite de sábado, foi encontrado um menino de 6 anos. Ele chegou a ser socorrido e encaminhado ao Hospital Regional de Luziânia, mas morreu no caminho. As buscas foram interrompidas por volta das 23h e retomadas às 6h10 do domingo (23). Até 10h30 foram encontrados os corpos de outras duas crianças: uma menina de 9 anos e um menino de 12.
Investigação
O caso foi registrado no Centro de Operações Integradas de Segurança Pública (Ciops) de Luziânia. De acordo com a delegada Karina Duarte, o piloto da embarcação foi ouvido na delegacia durante a madrugada. Ela não informou o conteúdo do depoimento e afirmou que as informações serão enviadas ao Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) da cidade, que conduzirá as investigações.
fonte g1goias



 
Copyright © 2013 OUVIDOR AGORA - Traduzido Por: Templates Para Blogspot
Design by FBTemplates | BTT